Resenha: A Seleção #1 (Kiera Cass)

 A Seleção (The Selection, título original) é o primeiro livro da série que carrega seu nome. É narrado em primeira pessoa pela America Singer, uma jovem bonita, talentosa e muito teimosa (muito mesmo!) Ela vive em um tempo bem mais avançado do que o nosso, com as consequências que os povos passados deixaram; eles se separam em castas, como era na Índia, mas no livro as castas são separadas por função na sociedade. America e sua família são da casta dos artistas e músicos clássicos, eles eram Cinco, três castas acima dos miseráveis.

Apesar de não ser miserável, ela não tem um vida muito confortável. Tem  ambição de ter seu dinheiro e casar com seu namorado secreto (a família não sabe, pois ele é uma casta mais baixa). Se inscreve na Seleção por insistência da mãe e acaba sendo escolhida (ela e mais 34 garotas). O que para muitas parece uma grande oportunidade de se casar com o príncipe e ganhar dinheiro, para ela parece um empecilho.

Voltei os olhos para a TV, no susto. Lá estava minha foto, tirada logo depois de ter descoberto que Aspen estava juntando dinheiro para se casar comigo. Eu parecia radiante, esperançosa, linda. Dava para notar que eu estava apaixonada. E algum imbecil achou que era pelo príncipe Maxon. ( A Seleção, Kiera Cass)

 Não consigo separar os livros, pois li ( lê-se : devorei) os três em um final de semana. Me envolvi muito com a história! Fiquei nervosa, ri e quase chorei com a America. Senti como se estivesse vivendo tudo na pele dela.

Um ponto que eu amei no livro foi que a autora criou esse mundo meio pós apocalíptico, meio distopia e não ficou entendiante, nem muito difícil de entender. Não ficou muito focado nisso o livro todo, abordou vários temas interessantes e conseguiu equilibrar um romance apaixonante no livro. Nos outros livros são aprofundados os conhecimento sobre Illéa (país criado pela autora)

Um ponto que não gostei muito foi a personagem principal: ela é muito teimosa, vive se metendo em situações complicadas e age por impulso. Outras vezes ela parece mais sensata… A America é instável. Mesmo assim, não cheguei a parar de ler ou odiar ela. Conseguia entender a personagem e tentar me segurar para não puxar os cabelos dela  (haha). Me apaixonei perdidamente por Maxon ❤ não vou falar muito para não dar spoilers.

Gostei também como a peronagem amadurece ao longo dos livros, das amizades e das outras selecionadas. Tinha algumas que dava vontade de ser melhor amiga e outras de dar um tapa na cara, mas conhecendo melhor, dava para abraçar todas. Me encantei pelo castelo, me senti uma princesa e ao mesmo tempo senti as responsabilidades de cuidar de um país.

A capa é muita linda!!! Ai meu Deus!!! Eu quero um vestido desse ❤ – tá parei.  A lombada e os detalhes do capítulo são muito fofos.

Editora: Seguinte   Lançamento: 2012

*Esse ano lançou o quarto livro da série, A Herdeira, já comprei, li e amei demais*

O que achou da resenha? Quer ler resenha dos outros livros? Alguma sugestão de livro para resenha?

Compartilhe sua opinião nos comentários!

Obrigada<3

Facebook 🌈 Instagram 🌈 Snapchat: leticiamonalisa 🌈

Anúncios

4 comentários em “Resenha: A Seleção #1 (Kiera Cass)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s